Reykjavik na Islândia: A capital que combina design atraente e noite agitada

Conheça a Reykjavik na Islândia, a capital, de uma forma diferenciada e exótica – você nunca viu algo igual antes!

A pequena cidade de Reykjavik na Islândia tem os mais curiosos pontos turísticos do país. O lugar possui um design diferenciado de tudo o que você já viu! Sem falar que a capital da Islândia tem uma noite espetacular, especialmente para quem procura diversão e boa gastronomia.

Selecionamos os points que não tem como passarem despercebidos ao visitar Reykjavik! Confira cada um deles aqui:

Já imaginou museus assim?

Reykjavik na Islândia

Transporte-se a séculos passados com uma redondeza de casas tradicionais islandesas

Museu aberto 

Quer conhecer a história da Islândia? O museu de Arbaejarsafn, em Reykjavik na Islândia, abriga casas tradicionais do país e é um encanto para os olhos de qualquer turista. Lá, o viajante encontra uma igrejinha do século 19 e traduz o passado do país.

Tudo por lá tem um pouco da época: a cafeteria, a comida, a oficina. As casas construídas no centro da cidade foram transferidas para o museu a céu aberto para serem preservadas. Quem chega até o lugar, remete-se ao início de séculos passados, por volta de 1900, e se sente dentro de histórias que vemos nos livros.

Reykjavik na Islândia

Reykjavik, na Islândia, guarda ainda um museu da história do país, com vikings e muito mais

Saga Museum

Localizado na zona portuária de Reykjavik, cada parte do museu conta uma dentre todas as sagas islandesas e a história dos vikings. Um ambiente escuro e misterioso, o local explica o que cada época representou para Islândia. Aqueles que pelo museu passam se impressionam com os bonecos dispostos – afinal, eles são bastante realistas.

Não deixe de visitá-lo! Afinal, o Saga Museum resume perfeitamente o que os islandeses passaram desde a época colonização até a atualidade. Lá, o turista pode ainda provar roupas e acessórios da época viking, garantindo fotos incríveis!

Exótico e que atrai diversos turistas, a capital da Islândia abriga ainda o Museu do Pênis (Foto: The Iceland Phallological Museum)

O Museu do Pênis

Para entender o quanto a população da Islândia tende a ser mente aberta, visite o exótico The Iceland Phallological Museum (mais conhecido como Museu do Pênis). O lugar apresenta as mais variadas formas e tamanhos de partes penianas de mamíferos, como baleias, ursos, focas, gatos e até ratos. Por despertar tanta curiosidade, o Museu do Pênis é um dos locais mais visitados da cidade.

Toques da culinária islandesa

Cachorro-quente

Prepare-se para provar um dos melhores cachorros-quentes do mundo. Com ingredientes como cebola crua, remoulade (molho à base de maionese), ketchup, pão e mostarda, o jornal inglês The Guardian o elegeu o melhor cachorro-quente da Europa. Quer saber o segredo desta maravilha? Voilà: o sabor único do cachorro-quente islandês fica por conta da salsicha de cordeiro! Impossível resistir.

Reykjavik na Islândia

Por lá, você poderá provar o famoso cachorro-quente considerado o melhor do mundo

Carne de tubarão

Soa diferente, não? Pois saiba que o tubarão podre é servido pelos islandeses como um prato típico do país. Tomar o óleo do fígado de tubarão é uma tradição por lá também. Um copinho por dia garante boa saúde, dizem os islandeses.

Para acompanhar este exótico prato, a cachaça islandesa é uma ótima pedida em Reykjavik. Ela é obtida da fermentação da batata e muito consumida pelos pescadores de tubarão.

Outros pontos fora do comum que você só vê em Reykjavik, na Islândia

Observação de baleias

A capital da Islândia é um ótimo lugar para quem aprecia a observação de baleias. A água gelada contribui para uma diversificação espetacular da vida marinha. Quem estiver por lá e quiser ter essa vivência fabulosa, não deixe de fazer este tipo de passeio. É uma oportunidade encantadora de ver de perto baleias Minke, botos e até golfinhos!

Imagine entrar em uma vila viking, com detalhes de época nas decorações, vestimentas e tudo mais!

Viking Village

Conhecer um restaurante tipicamente viking é um dos roteiros obrigatórios para o visitante na Islândia. Por isso, fascine-se ao ir ao bairro de Fjorukráin, em Reykjavik na Islândia.

A decoração do local tem caráter rústico e que parece ganhar vida durante as festas vikings. Por lá são servidas refeições tradicionais da época viking em bandejas, acompanhadas de vinho para brindar a comemoração. Aos paladares mais ousados, é possível experimentar carne de baleia azeda, língua de cordeiro ou cérebro: pratos típicos da época.

O restaurante da vila fica aberto das 18h às 22h para o jantar. Porém, o horário se estende às 3h da manhã às sextas-feiras e sábados ao embalar os visitantes com música ao vivo. Diversas surpresas são desvendadas e oferecidas ao público durante as festas: então, não espere para descobri-las!

Aviste toda a capital islandense na torre da igreja mais famosa do país, que demorou 41 anos para ser finalizada (Foto: Thousand Wonders)

Igreja Hallgrímskirkja

A igreja luterana foi construída no ponto mais alto da cidade e é o segundo prédio mais alto da Islândia. Com um design incrível, que imita muitas construções da época, apresenta ainda uma rocha de basalto islandesa. Sua construção se iniciou em 1945 e terminou em 1986.

Com o ingresso em mãos para subir na torre da igreja, o turista tem uma das melhores vistas da cidade. Lá do alto é impossível não apreciar o centro antigo de Reykjavík, com casinhas de todas as cores e combinações.

Presídio de Hegningarhúsið

Na rua que está em frente da igreja, o viajante pode visitar também uma prisão que abriga alguns detentos que estão no começo da pena. O lugar é um prédio feito de pedras negras e tem somente 16 lugares – pois apenas mantém prisioneiros com curtas sentenças.

Laugavegur Street: onde tudo acontece! (Foto: Iceland Mag)

Laugavegur Street, rua principal da Islândia

É claro que qualquer viajante deve passar pelo lugar onde tudo acontece e onde estão os principais bares e restaurantes da Islândia. Laugavegur, bem no centro de Reykjavik, encanta turistas por ser a principal rua do país.

No verão, dizem que não há noite por lá. Afinal, “é dia o dia todo”: o sol brilha até durante a madrugada. Já no inverno, é só noite: o dia permanece escuro. Mas em meio a esse tempo maluco que brinca com o céu e sua luminosidade, o viajante se diverte em um dos bares da rua. Nossa dica é conhecer o Lebowski Bar, um bar temático de boliche!

Reykjavik, na Islândia, é exótico e mágico

A capital islandesa é a porta de entrada de uma das nações mais encantadoras da Terra. Aproveite para conhecer todos os detalhes que tornam Reykjavik um destino único. Afinal, apesar de pequena, a cidade se torna gigante no coração dos turistas, que se apaixonam pelas diferentes experiências que por lá encontram.

Mas a Ativa Turismo vai além: mais do que te levar para Reykjavik na Islândia, nós oferecemos pacotes personalizados e feitos sob medida para que você se encante com o esplendor das maravilhas naturais na Islândia também. Planeje conosco um roteiro único para aventurar-se sozinho, com amigos, em casal ou com sua família!