O que fazer no Chile: 4 lugares para se encantar

O que fazer no Chile

Veja o que fazer no Chile para aproveitar a temporada de inverno com tudo o que você tem direito

O que fazer no Chile não é problema, principalmente quando você está programando a viagem para a temporada de inverno. Seja para desbravar suas cidades ou aproveitar as atividades mais radicais em meio às baixas temperaturas, o destino é queridinho dos brasileiros – Chi!Chi!Chi! Le!Le!Le! – e agrada até os mais exigentes.

Embarque rumo ao Chile

Entre a Cordilheira dos Andes e o oceano Pacífico está a República do Chile, um país que ocupa uma faixa estreita e longa, com uma geografia de extremos e cenários surpreendentes.

O que fazer no Chile

Aproveitar a temporada de neve no Chile é uma experiência rodeada de cenários incríveis

Os contrastes podem ser percebidos desde a sua capital, Santiago, em que é possível notar uma grande cidade cercada por montanhas, até outras regiões mais áridas como o Deserto do Atacama, assim como as grandes faixas agrícolas com vinícolas.

Fixa técnica para a viagem ao Chile

Idioma: Espanhol;
Moeda: Peso Chileno;
Clima: De dezembro a março, o verão atinge temperaturas de até 22 graus. No inverno, de maio a agosto, o clima registra graus abaixo de zero.

O que fazer no Chile: 4 lugares para se encantar na temporada de neve

Para encontrar neve e saber o que fazer no Chile durante a temporada de inverno, é preciso subir algumas montanhas, longe da capital Santiago, para aproveitar cada detalhe das incríveis paisagens chilenas e atividades que só podem ser desfrutadas no frio da estação.

O que fazer no Chile

Por isso, veja os lugares e outras informações essenciais que selecionamos para você se encantar no destino!

Parque Nacional Torres del Paine

O Parque Nacional Torres del Paine, localizado em Magalhães na Patagônia Chilena, é perfeito para a visitação principalmente dos viajantes mais aventureiros, pois o local possibilita muitas atividades por lá, desde as trilhas, os passeios de van pelas montanhas e até mesmo trekking de vários dias.

O destino já vale a pena apenas pelas paisagens singulares, entre luzes, montanhas, lagos e muito mais. Para se ter ideia, o local foi declarado Reserva da Biosfera pela Unesco em 1978. E, ao longo dos anos, a população chilena se preocupou em manter a região mais isolada, o que permite descobertas incríveis a cada passeio.

O Parque ainda reserva extensões grandes de gelo, que chegam a seis quilômetros de largura e deixam o visual ainda mais entorpecente. Os passeios de barco também permitem apreciar essa imensidão glacial em uma viagem inesquecível.

Carretera Austral

A famosa rodovia chamada Carretera Austral está localizada ao sul do Chile e o conecta até o norte, de Puerto Montt a Villa O’Higgins, sendo aproximadamente mil quilômetros entre diferentes cenários.

A road trip é uma das mais incríveis, pois passa por vulcões, florestas, geleiras, rios e muito mais. Ou seja, apenas o caminho por ela já vale toda a viagem pelo Chile e suas paisagens encantadoras, exóticas e diversificadas.

Estações de esqui

Corralco

Ao falar sobre o que fazer no Chile na temporada de inverno é impossível não citar também as famosas estações de esqui, uma das atividades mais desejadas para se fazer na neve. Por isso, a Ativa Turismo oferece as melhores opções.

O que fazer no Chile

Entre elas está a estação de Corralco. A área foi concedida pelo governo do Chile, dentro da Reserva Nacional Malalcahuello e inaugurada em 2013 para as atividades do esporte, contendo pistas de esqui e o hotel Valle Corralco Hotel & Spa.

O local possui quase 30 pistas de esqui em uma área de 1.800 hectares, com ski de travessia, snowboard, caminhadas e muito mais. O melhor é que a temporada fria pode chegar até 7 metros de neve, o que possibilidade ainda mais a abertura da estação.

Portillo

Portillo é uma das mais antigas estações de esqui do Chile. Por esse motivo, reúne um clima bastante cativante e acolhe toda a família com suas atividades e atendimento excepcional.

O que fazer no Chile

O local vai além do visual de montanhas nevadas, mas também oferece a comodidade para crianças e adultos, pois possui opções para diversos níveis de esqui e os pequenos podem aprender em uma área reservada a eles.

A insfraestrutura também é completa, com spa, bares e restaurantes e até mesmo piscina aquecida ao ar livre. Imagine mergulhar em águas aquecidas em um cenário de muita neve fofa e montanhas belíssimas?!

A estação é completa para passar o dia agradável com toda a família em uma programação inteira e diversa. Não deixe de passar por lá!

Outros centros de esqui também podem ser visitados como o Valle Nevado, Farellones e La Parva. O que vale mesmo é aproveitar cada momento dos cenários encantadores com experiências únicas!

O que fazer no Chile: gastronomia da região fria

Grande parte da gastronomia chilena é composta de frutos do mar e acompanha sempre uma rica cartela de vinhos – que são considerados um dos melhores do mundo, já que a região é bastante propícia para a produção da bebida.

Para visitar, passe pelo Mercado Central, inaugurado em 1872 e que reúne restaurantes e pequenos locais da cozinha típica da região.

E, para completar a imersão gastronômica chilena, uma forte tradição por lá são os chamados “cafés com pernas”. Trata-se de cafés sofisticados em que o diferencial está nas garçonetes. Elas se tornam atrações ao servirem seus clientes com vestidos curtos ou minisaias.

Agora, diante de tanta diversidade cultural, ficou ainda mais fácil saber o que fazer no Chile! Vamos nessa?