Andaluzia e suas riquezas mistas

Blog Ativa | Andaluzia

Conheça a interessante mistura espanhola e árabe no Sul da Espanha.

Uma das regiões mais quentes da Espanha, Andaluzia (Andalucía para os espanhóis), convida para o turismo praiano, que se instala quando as temperaturas beiram os 40ºC. Ótima pedida para ir sozinho, a dois e até para levar a família toda, que não faltarão opções.

Historicamente falando, tem uma forte herança árabe, e devido a isso, você terá a oportunidade de conhecer grandes residências da antiguidade real árabe, mesquitas e jardins que mais parecem pinturas, e remontam a história antes da reconquista da região pelos católicos.

A gastronomia é um tesouro a parte. Facilmente você encontra os saborosos bares de tapas, um aperitivo espanhol que se tornou o mais celebrado da região. São petiscos diversos (alguns são fritos, outros lembram finger foods, outros são feitos com torradas ou se assemelham à bruschettas, dentre muitas opções) sempre saborosamente temperados, e regados com um bom azeite, servidos em pequenas porções, para acompanhar a bebida.

Blog Ativa | Andaluzia: Polvo à Gallega

Polvo à Gallega, um tipo de tapa muito consumido na região.

Há muitas versões diferentes e divertidas sobre o surgimento das tapas. Alguns dizem que, nas antigas tabernas, pequenas porções de comida ficavam em pratos menores, que devido ao tamanho eram utilizados para cobrir os copos dos clientes,  protegendo a bebida das moscas.

Tem também, a lenda sobre o Rei Alfonso X, que adoecido recebeu a orientação de tomar algumas taças de vinho ao longo do dia, e para amenizar os efeitos do álcool, bebia o vinho sempre acompanhado de pequenas porções de algum alimento. Ao melhorar, ele teria criado uma lei que dizia que todas as tabernas deveriam oferecer pequenas porções de comida visando “tapear” os efeitos da bebida.

E ainda há uma outra, que para combinar com o tema deste texto podemos assumir como predileta, que conta que as tapas surgiram mesmo na Andaluzia, quando se colocavam pequenos pedaços de lombo de porco em cima das taças de vinho, tampando-as para que seu aroma não se perdesse.

Outro saboroso destaque da culinária é o Pata Negra, jamón ibérico, um tipo de presunto fino que é produzido em toda a Andaluzia. Pode ser degustado acompanhado do Jerez, vinho fortificado, também típico da região. Uma perdição.

Para te conduzir de forma ainda mais inspiradora, vamos dividir a apresentação desse destino encantador por suas principais cidades. Assim, você fica por dentro de tudo que pode aproveitar em cada pedacinho da Andaluzia, com muito mais inspiração.

Sevilha
Capital e também maior cidade da região. Se você estiver com pouco tempo para fazer essa viagem e quiser escolher apenas uma das províncias, Sevilha é a campeã.

Sua estrutura de metrópole se encaixa perfeitamente em uma área de cidade pequena, combinando o melhor das duas características em um lugar que você pode conhecer a pé, revivendo a história de um país e ainda apreciando o contraste de incríveis paisagens que harmonizam com belíssimas construções.

Blog Ativa | Andaluzia: Plaza España

Plaza España

A primeira parada é a Catedral da cidade, que compõe a lista dos maiores templos cristãos do mundo. Ela só perde para a Basílica de São Pedro, no Vaticano, e para a St Paul’s Cathedral, em Londres.

Sua arquitetura é de uma beleza rara, com detalhes que nem parecem terem sido talhados por mãos humanas. É incrível que a área externa da igreja impressiona tanto (ou até mais) que seu interior. E se você tiver fôlego de sobra, também pode subir a torre e conhecer a cidade sob um outro ponto de vista.

Blog Ativa | Andaluzia: Catedral de Sevilla

Catedral de Sevilla

Blog Ativa | Andaluzia: Plaza de Toros

Plaza de Toros

Um dos locais mais visitados de Sevilha é a Plaza de Toros de la Maestranza, lugar que levou 120 anos para ser construído em arquitetura estilo barroco, no século XVIII. É onde acontece, todos os anos, a abertura da temporada anual das touradas. A abertura é parte de um grande evento, a Feria de Abril, que agita a região e marca bem o folclore espanhol, reunindo sua animação, cultura, culinária e história numa grande festa.

Blog Ativa | Andaluzia: Feria de Abril

Feria de Abril

Para os mais aventureiros, é uma chance única de assistir a uma tourada, tradição controversa para muitos, mas com uma imensa representação na cultura espanhola. Seus movimentos cênicos e dramáticos já foram retratados de forma apaixonada em obras de Goya, Picasso e também por titãs da literatura como Ernest Hemingway.

A paixão dos espanhóis é tanta, que a forma como se relacionam com o evento e com seu toureiro predileto, se assemelha a como os brasileiros falam sobre seu time de futebol ou jogador preferido.

Se a opção de assistir à tourada parecer demais, há a opção de uma visita ao Museu Taurino, localizado na praça, onde você poderá conhecer todo universo cultural que envolve o assunto e também conhecer a imensidão da arena onde ocorrem as touradas.

E, falando ainda de cultura espanhola, Sevilha é o lugar para se aprofundar na emocionante dança flamenca. Seja visitando o Museo del Baile Flamenco ou assistindo uma belíssima apresentação ao vivo. Surgido no século XVI, o Flamenco é uma arte popular original da Andaluzia que mistura dança, canto e guitarra. É impressionante como exala paixão em cada um de seus belos e fortes movimentos, cantos e batidas no violão. É realmente emocionante.

Blog Ativa | Andaluzia: Museo del Baile Flamenco

Museo del Baile Flamenco

Granada
Granada é a cidade da região de Andaluzia que mais tem representação árabe. Lá está o Palácio Generalife, dentro da fortaleza de Alhambra. Esse extenso complexo abriga palácios, muralhas e jardins que, há séculos, pertenceram aos muçulmanos que dominavam a região.

Blog Ativa | Andaluzia: Palácio Generalife, Alhambra

Palácio Generalife, Alhambra

Passeie pelas ladeiras de paralelepípedos e ruas estreitas do bairro de Albaicín, que apesar de subidas íngremes, ostenta uma deslumbrante vista do Mirador San Nicolas. À noite também é possível admirar a região que fica toda iluminada.

Tanto o bairro Albaicín, como o complexo de Alhambra, são oficialmente, declarados pela UNESCO, Patrimônio Mundial.

Blog Ativa | Andaluzia: Bairro Albaicín e Mirador San Nicolas

Bairro Albaicín e Mirador San Nicolas

Blog Ativa | Andaluzia: Tetería em Granada

Tetería em Granada

Para finalizar, é tradição de séculos, os habitantes fazerem uma pausa para saborear o chá árabe em uma de suas teterías, como eles chamam as casas de chá. Aproveite para degustar o chá e conhecer mais sobre a culinária árabe.

Marbella
Região denominada também de Costa do Sol, essa é uma cidade muito procurada no verão por ser bem praiana. Bem estruturada com muitos hotéis e resorts, Marbella tem um centro histórico gracioso, onde passeando a pé mesmo pelas ruelas, descobre-se belas construções antigas e igrejas. Uma ótima região para encontrar restaurantes e bares.

É um lugar para aproveitar bastante dos resorts de luxo, com campos de golf e yatchs, belas praias e uma vida noturna muito ativa com bares, pubs e casas noturnas.

Málaga
Se você está em Marbella, não deixe de ir a Málaga e conhecer a cidade de um dos mais influentes artistas espanhóis: Pablo Picasso.

Blog Ativa | Andaluzia: Museo Casa Natal Picasso

Museo Casa Natal Picasso

Vale muito a pena passar por lá para visitar o Museo Casa Natal de Picasso e conhecer mais sobre a vida e obra do pintor. No primeiro andar, você encontrará um conjunto de suas peças. Subindo as escadas, encontrará os cômodos da casa onde ele foi criado, com acesso a informações sobre seu passado e suas inspirações.

E, para aprofundar ainda mais sobre ele, você pode visitar, a poucos metros dali, o Museo de Picasso, com uma coletânea ainda maior de suas obras.

Blog Ativa | Andaluzia: Museo Picasso

Museo Picasso

Blog Ativa | Andaluzia: Alcazaba de Málaga

Alcazaba de Málaga

Córdoba
Reserve um dia inteiro para conhecer Córdoba – é o suficiente para ir nos principais pontos turísticos e históricos desta cidade. A influência árabe também é muito forte na região, por ter sido, no século VII, a capital Islâmica da Península Ibérica.

A parada obrigatória para quem passar pela cidade é a Mesquita-Catedral de Córdoba. O nome foi dado por ter sido uma edificação muçulmana levantada sobre o que antes eram as ruínas de uma igreja católica. O resultado: um templo que abriga ambas as estéticas de uma forma harmoniosa e deslumbrante.

Blog Ativa | Andaluzia: Mesquita-Catedral

Mesquita-Catedral

Blog Ativa | Andaluzia: Ponte Romana

Ponte Romana

Não deixe de passear pela Ponte Romana. Ela fica sobre o Rio Guadalquivir e como o próprio nome diz, foi construída na época dos romanos, resistindo até a atualidade. Contemplar a vista dessa ponte é quase que obrigatório, até chegar à Torre de La Calahorra.

Em Córdoba, ainda vale visitar a Plaza de la Corredera com sua beleza arquitetônica, e o Palácio de Viana, que guarda móveis e joias de época medieval, te conduzindo a uma viagem no tempo.

Blog Ativa | Andaluzia: Plaza de la Corredera

Plaza de la Corredera

Blog Ativa | Andaluzia: Palacio de Viana

Palacio de Viana

A região da Andaluzia é um local que merece ser apreciado com muita calma, pois cada lugar a ser visitado possui uma riqueza de história e cultura, inclusive de estéticas e períodos bastante distintos, que impressionam. Um caso onde o contexto histórico resultou numa jóia rara. Sem a contribuição de cada cultura que ali deixou sua marca, esse lugar não seria tão encantador.

As cidades aqui mostradas são as mais influentes, mas não são as únicas que merecem a sua atenção. Por isso, vale a pena dar uma conferida em nomes como Ronda, Gibraltar e Nerja, que também podem enriquecer muito sua visita.

Esperamos ter te inspirado, e quem sabe despertado um desejo para sua próxima aventura.

 

Ativa | Fale com a gente e faça sua viagem.