Não é miragem: oásis peruano oferece muita aventura

Entre as muitas dunas de areia do deserto, de repente você se depara com um lago com água verde esmeralda e diversas árvores ao redor. No imaginário de muitas pessoas é um verdadeiro oásis. Será miragem? Se você estiver no Deserto de Ica, no Peru, com certeza não será. Você estará em Huacachina, um verdadeiro paraíso no meio de tantas dunas.

Na única rua que circunda todo o lago, muitas árvores oferecem a merecida sombra em meio ao sol escaldante. Ao longo dela existem lojas, restaurantes, hotéis e pousadas que recebem os turistas em busca de aventura.

Em Huacachina dá para praticar diversos esportes, entre eles o sandboard (surf nas areias), uma prática esportiva radical. Imagine descer as dunas montado em uma prancha parecida com as de snowboard, a toda velocidade, fazendo manobras e sentindo o vento no rosto, só faz aumentar o nível de adrenalina.

Outra opção para explorar o deserto é fazer um passeio de buggy, que também não deixa de oferecer fortes emoções. As manobras do bugueiro podem ser agitadas ou mais suaves, depende do estilo que os ocupantes escolherem.


Pôr-do-sol visto do deserto de Huacachina

O cume das dunas oferece um pôr-do-sol lindo. Avistar o alaranjado do céu fundir-se com a cor ocre da areia, lá no infinito, dá uma sensação única, mostrando toda a grandeza do nosso planeta.

Enquanto o sol vai baixando, a temperatura cai lentamente. Com a chegada da noite o frio aumenta, por isso é sempre bom levar um bom agasalho para essas mudanças no termômetro. Aos poucos o céu escurece e os pontinhos brilhantes vão surgindo, revelando uma cobertura com milhares de luzes. É o infinito revelando toda sua beleza e magnitude. A quantidade de estrelas que pode ser vista impressiona qualquer um.

 

Do deserto de Ica para outras aventuras

Bem perto de Ica (aproximadamente 1 hora) é possível esticar até a Reserva Nacional de Paracas e Islas Ballestras, santuários ricos em vida animal na parte costeira do Peru.

Esses locais são perfeitos para avistar leões marinhos, golfinhos, pelicanos e até pinguins de Humboldt, a única da espécie encontrada no país. As rochas servem de área de descanso para muitos animais que ficam aproveitando os raios do sol. Você vai poder observar, bem de perto, seu comportamento porque eles não têm receio da aproximação humana. A tranquilidade é tanta que nem se importam com as fotos, dá para fazer muitas.

Continuando a viagem para novas experiências, que tal fazer um voo para avistar as famosas linhas de Nazca, a 2 horas de Huacachina? Só do alto é possível identificar figuras conhecidas, como pássaros, macacos, aranhas e muitas outras. O mistério de como as linhas foram feitas perdura até hoje. Muitos acreditam que tiveram a ajuda de extraterrestres. Afinal em 400 a 650 d.C não existia aparelho voador, pelo menos de fabricação humana.

Outro programa que pode ser feito nas proximidades de Huacachina é visitar uma das vinícolas especializadas na produção de Pisco, uma espécie de aguardente feita de uva, considerada a bebida nacional do país e produzida desde os tempos da colonização espanhola.


Lenda na formação de Huacachina

Segundo relatos locais, existia uma linda princesa casada com um bravo guerreiro. Um dia ele saiu em batalha e morreu no confronto. A princesa ficou tão angustiada que chorou o resto da vida. Suas lágrimas formaram o lago Huacachina (o nome significa “Mulher que Chora”), depois árvores cresceram no local e se transformou no oásis, símbolo de esperança em meio ao deserto.

Verdade ou não, há uma estátua de uma princesa na entrada do vilarejo para reforçar a lenda. Os mais crédulos dizem ouvir o lamento dela à noite.

Você viu que o Deserto de Ica e Huacachina oferecem mistérios, aventuras, cenários impressionantes e muito contato com a natureza? Se a proposta é experimentar novidades e se surpreender, é o destino perfeito. Além de conhecer um oásis no meio do deserto, você vai ter uma viagem enriquecedora e diferenciada que vai proporcionar muitas histórias para você contar.

 

 

Ativa | Fale com a gente e faça sua viagem.