A gastronomia da cidade mais amigável do mundo

Se você deseja conhecer Charleston, comece pela gastronomia que é uma das formas mais vivas de captar a alma dessa cidade da Carolina do Sul. Talvez por isso, ela tenha sido considerada a mais amigável do mundo, afinal boa comida servida em um bom restaurante são uma forma de receber bem. Mas não é só isso, as pessoas de lá são extremamente receptivas e a sensação é de estar em casa.

A culinária de Charleston é conhecida como Lowcountry (com características marcantes, típicas sulista) do estado norte americano. Muitas receitas hoje famosas, chegaram com os povos que colonizaram a região e estão sendo preparadas há muitas gerações da mesma família. A proximidade do mar também influenciou na adequação de muitos pratos. Um bom exemplo tradicional é o cozido Lowcountry Boil que tem como ingredientes camarão fresco, espiga de milho, linguiça e batatas cozidas. É uma comida simples, mas os itens revelam a mistura de influências de negros, caribenhos e europeus.

Não pense que por utilizar componentes do cotidiano que a gastronomia não seja premiada. Por três anos consecutivos, um chef estabelecido em Charleston foi eleito o melhor da região sudeste do país. É sinal que a culinária local está se reinventando, mas sem esquecer as raízes históricas. Um reconhecimento que deixa os locais orgulhosos e faz muito bem ao visitante, que vai encontrar uma culinária contemporânea e de primeira grandeza.

Charleston

Centro histórico de Charleston é um clássico

Fazer um tour pelas ruas na parte histórica da cidade é como viajar no tempo. As casas ainda mantêm aquele ar de construção antiga com fachadas bem elaboradas. Um bonde circula pelas vias principais e se não bastasse, é possível fazer um gostoso passeio de charrete. Ouvir o trotar do cavalo pelas ruas calmas e bem arborizadas de Charleston é uma experiência diferente e acolhedora.

Para incentivar a preservação das casas, a cidade promove um evento dedicado à arquitetura. Este ano é a 40ª edição do Annual Fall Tour of Homes, History & Architecture promovido por um grupo de amigos que faz questão de manter o casario em perfeitas condições para visitação durante o festival. Percorrer os ambientes decorados com o mobiliário de época transporta as pessoas para aquele período nostálgico. Mas não é preciso esperar o evento para conhecer por dentro o estilo dessas residências. Muitos restaurantes funcionam em imóveis restaurados para que o visitante experimente a boa comida em um ambiente tipicamente sulista.

Charleston é para todos

A cidade mais amigável do mundo também tem diversão para as crianças e a visita ao South Caroline Aquarium é um programa que elas vão amar. Através das grossas paredes de vidro elas podem ver a fauna marinha em seu esplendor. Se a tentação de molhar os pés for muito grande, você pode levá-las às praias da cidade e proporcionar um passeio ao ar livre muito gostoso. Achar conchas, surfar, ficar na água ou construir castelos de areia é um programa familiar dos mais agradáveis.

Não existe melhor trilha sonora que o jazz para um happy hour enquanto se experimenta um drink caprichado, preparado pelo barman de um dos variados bares da cidade. Para amantes de outras artes, acontecem nos últimos meses do ano diversas atrações, para fechar o calendário em grande estilo.

Setembro é reservado a uma das festas mais animadas, o Taste Charleston Festival que tem corrida de garçom, disputa de quem come mais rápido, o chef mais talentoso entre outras atividades.
No mês seguinte (outubro) é promovido o Colour of Music Festival, dedicado aos artistas negros que contribuíram para o engrandecimento da música clássica.
Novembro acontece o Charleston International Film Festival que atrai diretores, atores e amantes do cinema de diversas partes do mundo. São exibidos longas metragens, documentários e filmes de animação de diversas localidades.
Atividades desportivas, quiosques de produtos típicos, culinária, música e arte são as atrações do Garden & Gun Jubileu, promovido no início de dezembro.
Em janeiro do ano seguinte é a vez do Lowcountry Oyster Festival, quando são servidas aproximadamente 80 mil toneladas de ostras nas mais variadas receitas.

Pelo número de atrações, sem dúvida a melhor época para visitar Charleston é no final do ano. A cidade fica fervilhante com pessoas de diversas partes dos Estados Unidos e de outros países. O clima é de pura diversão e alegria. Juntam-se a isso a ótima recepção, a culinária maravilhosa e os diversos festivais são suficientes para transformar Charleston na capital mundial do entretenimento e hospitalidade.

 

Ativa | Fale com a gente e faça sua viagem.